Nova heroína da Marvel é inspirada em meninas sequestradas por terroristas na Nigéria

Nova heroína da Marvel é inspirada em meninas sequestradas por terroristas na Nigéria

A próxima heroína da Marvel irá carregar em seu passado uma heroína bem triste e por pior que possa parecer, real. Chamada Ngozi, a jovem será inspirada no sequestro de meninas nigerianas pelo grupo terrorista Boko Haram.

Protagonista de “Blessing in Disguise”, a HQ também marcará o primeiro título da Marvel Comics que será ambientado em um país africano que realmente existe.

A responsável pela história é a premiada autora américo-nigeriana Nnedi Okorafor, que espera muito que agora as meninas do seu país natal possam se sentir representadas e tenham um rosto a se identificar dentro dos quadrinhos.

A trama protagonizada por Ngozi tem origem no sequestro de um grupo de quase 300 adolescentes que foram retiradas à força de uma escola em Chibok, no nordeste da Nigéria, em abril de 2014.

O sequestro deu início a uma campanha global, conhecida como #BringBackOurGirls, que teve apoio de diversas celebridades e, inclusive, a primeira-dama americana, Michelle Obama.

“Foi uma decisão importante basear Ngozi em uma das meninas Chibok, eu espero que todos vejam o real sentido por trás de suas histórias. Elas eram meninas normais que de repente precisaram lidar com uma enorme mudança em suas vidas. E a história delas de perseverança é muito poderosa”

Através do Twitter, Nnedi publicou uma prévia das páginas.

Pra quem não sabe, o grupo islâmico Boko Haram já deixou mais de 20 mil mortos e deslocou ao menos 2 milhões de pessoas em uma campanha brutal de oito anos na Nigéria.

Comente

Deixe seu comentário

Comente usando o Facebook!