Meryl Streep da resposta brilhante para Donald Trump: ‘Sou a mais premiada’

Após aquele discurso memorável no Globo de Ouro 2017, a atriz Meryl Streep voltou a expor sua indignação contra o atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Na noite do sábado, 11, aconteceu o Human Rights Campaign em defesa aos direitos LGBT e atriz foi mais uma vez aclamada e premiada. No entanto, super emocionada, Meryl não deixou de responder as críticas de Trump.
“Sim, eu sou a mais superestimada, mais decorada, e atualmente a atriz mais censurada… da minha geração”, pontuou firmemente a atriz!

“O mal prospera quando os homens bons não fazem nada… Mas se vivemos esse momento precário… se seu instinto catastrófico não nos levar ao inverno nuclear, teremos muito a agradecer a este Presidente porque ele nos mostrará até que ponto a liberdade é realmente frágil “.

E a atriz finaliza com uma super mensagem para todos aqueles que se sentem oprimidos com as regras do presidente:

“Se você acha que as pessoas ficaram irritadas quando acharam que o governo queria tirar suas armas, espere até que ele venha e tente levar sua felicidade. Não vamos voltar aos velhos tempos ruins de ignorância e opressão e de esconder quem somos. Devemos isso às pessoas que morreram por nossos direitos, e que morreram antes mesmo de conseguirem seus próprios [direitos]”, finalizou a atriz com os olhos cheios d’agua!

Que rainhaaaaa!

Comente usando o Facebook!