Bebidas alcoólicas nos cinemas pode virar a nova tendência dos EUA!

Bebidas alcoólicas nos cinemas pode virar a nova tendência dos EUA!

Sabe aquele filme que você não gostou muito ou achou bem mais ou menos? Bom, ele pode ficar melhor. Segundo uma matéria do veículo The Hollywood Reporter, as bebidas alcoolicas tem se tornado um dos itens mais consumidos em cinemas norte-americanos.

“Esqueça a pipoca e as bebidas sem graça. Álcool é o próximo passo na luta dos cinemas contra a queda de público.”, anuncia a reportagem.

Durante décadas leis preveniam redes de cinema de servirem bebidas alcóolicas ao público. Somente os cinemas que ofereciam refeições podiam vender álcool através da mesma licença de restaurantes. Algumas redes de cinema mais sofisticadas, como a Landmark e o ArcLight, localizados em Los Angeles, ofereciam cerveja e vinho aos maiores de 21 anos. No entanto, nos últimos dois anos, 32 estados dos EUA relaxaram suas leis, permitindo assim que redes de cinema servissem bebidas alcoolicas em seus estabelecimentos.

Especialistas de outras redes famosas dos EUA garantem que as bebidas não irão diminuir as vendas de outros produtos típicos, como refrigerantes e chocolates. Pelo contrário, segundo afirmam, as vendas de tais itens só tendem a subir. A realidade, no entanto, é outra para Nova York, um dos maiores mercados quando o assunto é audiência de cinema. Devido a uma lei de 1934, o estado mais famoso dos EUA segue ‘seco’. Mas as coisas prometem mudar em breve, já que no dia 20 de janeiro o Governador de NY, Andrew Cuomo, inseriu uma cláusula em seu orçamento permitindo a venda de álcool em cinemas.

Uma das maiores apoiadoras da nova tendência é a rede de cinemas AMC. Desde o verão norte-americano passado, a rede vendeu 110.000 coquetéis especiais dos Caça-Fantasmas, usando a vodka Crystal Head, do ator Dan Aykroyd

No Brasil, a rede Cinemark planeja lançar um drink chamado “Cinquenta Tons”, no dia dos namorados, em propaganda do filme “Cinquenta Tons Mais Escuros”, da Universal e que estreia na época da data comemorativa.

Será que essa moda pega?

Comente usando o Facebook!