Ariana Grande dá um chega pra lá no machismo e critica objetificação feminina!

Em um mundo machista como o que vivemos, cada vez mais temos que manter a cabeça erguida e não deixar que comentários preconceituosos e de desrespeitosos ganhem força.

A Ariana Grande mostrou nessa quarta-feira que, se depender dela, vai ter muita luta contra o machismo sim.

Pelo seu Twitter, a cantora postou uma carta aberta falando da objetificação sexual da mulher, reclamando de um momento desagradável com um fã de seu namorado Mac Miller.

Leia a tradução do texto:

“Saí para pegar comida com meu namorado essa noite e um jovem rapaz nos seguiu para o carro para dizer para Mac Miller que é um grande fã. Ele falava alto e estava animado e ao mesmo tempo Mac estava sentado no banco do motorista, ele estava quase no carro com a gente. Eu pensei que isso seria fofo até que ele disse, ‘Ariana é muito sensual, cara, eu posso te ver traçando isso’.

Traçando isso? Mas o quê?

Isso pode não parecer importante para muita gente, mas eu me senti enjoada e objetificada. Eu também estava sentada logo do lado quando ele disse isso. Eu fiquei calada e sentida a partir desse momento. Coisas assim acontecem a todo tempo e contribuem para a mulher se sentir com medo e inadequada. Eu não sou um pedação de carne que um homem utiliza por prazer. Eu sou uma mulher adulta em uma relação com um homem que me trata com amor e respeito.

Machucou meu coração que tantas pessoas novas estão confortáveis o suficiente para falar esse tipo de frase e objetificar a mulher com tanta facilidade.

Eu quis falar sobre essa experiência porque sei que muitas mulheres sabem como é se sentir desconfortável em público por um homem. Nós precisamos falar sobre esses momentos abertamente, pois eles vivem dentro da gente vergonhosamente. Precisamos compartilhar e ser a voz quando algo nos faz desconfortável, se não, irá continuar. Não somos objetos ou prêmios, SOMOS RAINHAS.”

Como se a declaração não fosse um lacre por si só, Ari respondeu uma seguidora, que criticou sua mensagem e depois apagou o tweet, reforçando ainda mais o que queria passar:

Não satisfeitos, muitos ainda foram lotar as redes da cantora, insistindo que ela se incomodou com o fã, mas se objetifica em suas músicas. Foi aí que Ari deu seu ponto final:

“Vi que muita gente insiste na ideia falando ‘olhe como você aparece em seus vídeos e suas músicas! Você é muito provocativa!’ por favor, pare… Expressar sexualidade na arte não é um convite para o desrespeito!

Só porque estou vestindo um shortinho curto não estou pedindo pra ser assaltada. Mulheres escolhem. Nossos corpos, nossas roupas, nossas músicas, nossas personalidades…. Sexy, glamour e diversão não.são.convites.

Vocês [homens] estão literalmente dizendo que, se olharmos desse lado, mulheres pertencem a vocês. Mas não somos!!! É nosso direito nos expressarmos também! ❤️”

Sentiu o impacto? Essa não foi a primeira vez que jovem Big responde comentários machistas. Ano passado ela discutiu com apresentadores de uma rádio e deixou avisado que não pretende voltar a dar entrevistas para o programa.

Dá só uma olhadinha (a partir de 16:30):

Comente usando o Facebook!